Home Gestão Confira o que pode mudar a partir de 2019 nas regras que regem o golfe
0

Confira o que pode mudar a partir de 2019 nas regras que regem o golfe

0
0

abertura

Poucos esportes possuem regras tão complexas quanto o golfe. Em teoria, a premissa principal do jogo parece muito simples: deve-se seguir o princípio de sempre bater a bola do jeito que ela está – geralmente, agindo assim não há problemas. Mas como nem sempre a bola está em lugares de onde é possível ser batida, a coisa é bem mais complicada do que parece

texto_Henrique Fruet | foto_Zeca Resendes

O Livro de Regras possui cerca de 250 páginas, e não é qualquer um que consegue compreendê-lo sem um estudo um pouco mais aprofundado. Já as interpretações das regras – o livro Decisões nas Regras de Golfe, de uso e conhecimento obrigatório para os árbitros – é um calhamaço de 600 páginas (sendo que 150 delas são apenas o índice remissivo!) que interpreta as regras do outro livro, guiando as decisões dos oficiais de regras.

novas-regrasNada indica que os livros ficarão mais simples, mas a vida deve ficar mais fácil para os golfistas em breve. A R&A e a United States Golf Association (USGA), as duas entidades mundiais responsáveis pelas Regras de Golfe, divulgaram em março detalhes de uma grande mudança nas regras que estão prevendo fazer até 2019.

As duas entidades fizeram um estudo nos últimos cinco anos para simplificar as Regras de Golfe, tentando fazer isso de uma maneira com que o esporte não perca seus fundamentos, tradições e fair play.

De acordo com a proposta apresentada, as regras cairiam de 34 para 24. Em muitos casos, penalidades serão extintas. Se forem aprovadas, os golfistas poderão, por exemplo, encostar o taco no solo quando estiverem em hazards (leia o quadro).

“A empolgante proposta de modificação nas regras tornará o jogo mais atraente, rápido e descomplicado”, diz Daniel Neves, diretor de Relações Internacionais e Regras da Confederação Brasileira de Golfe. “Representam uma modernização, mas sem perder a essência e os princípios do golfe”, completa ele, que trabalhou nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

A proposta passará por um período de seis meses para comentários públicos. Depois, será finalizada em 2018. Mais detalhes sobre as novidades estão em www.randa.org/RulesModernisation. As novas regras entrarão em vigor em 2019. Até lá, haverá tempo para os árbitros e golfistas estudarem as novas diretrizes.

Você pode baixar o Livro de Regras aqui.