Home Torneios Marcos Negrini, do Damha, vence o 48º Aberto do Clube de Campo de São Paulo
0

Marcos Negrini, do Damha, vence o 48º Aberto do Clube de Campo de São Paulo

0
0
Foto: Thais Pastor/FPG
Foto: Thais Pastor/FPG

Numa reação espetacular, onde se recuperou de uma desvantagem de cinco tacadas, restando seis buracos para o final, Marcos Negrini, do Damha, foi o campeão do 48º Aberto Masculino do Clube de Campo de São Paulo – Faber Castell, uma das mais importantes competições do golfe paulista e brasileiro, encerrada neste domingo, 4 de junho. Negrini terminou os 36 buracos empatado com Roberto Gomez, que jogava em casa, e só garantiu o título no segundo buraco do desempate. Luiz A. P. Almeida, o Gugu, do São Paulo GC, terminou em terceiro lugar. Além dos troféus, os três receberam da Federação Paulista de Golfe (FPG), medalhas de ouro, prata e bronze. 

Negrini e Gomez haviam começado o torneio, sábado, empatados com 72 tacadas, uma acima do par. Mas enquanto Roberto começava a volta final jogando uma abaixo de ida, com três birdies e um duplo bogey, Negrini jogava três acima nos primeiros nove buracos, vítima de um duplo bogey, dois bogeys e apenas um birdie. A situação de Negrini se agravou ainda mais quando ele fez novo bogey no 11, para ficar cinco tacadas atrás.

Virada – Gomez ainda devolveu uma tacada no 13, mas chegou ao tee do 15 vencendo por quatro, restando quatro buracos a jogar. Foi aí que começaram os problemas do mais premiado amador do golfe brasileiro, que tentava vencer o torneio pela 13ª vez, mas a primeira desde 2013. Gomez fez bogeys seguidos no 15 e no 16 e depois de um birdie de Negrini no 17, a diferença caiu para apenas uma tacada.

No 18, um par 5, Gomez colocou a terceira no green, longe da bandeira, enquanto Negrini, que tinha melhor posição para o approach, viu sua bola varar o green e ficar na beirada de um longo decline. De lá, ele deixou a bola dada, e ficou esperando por Gomez, que precisava dar apenas dois putts para vencer. Mas o primeiro ficou curto e ele errou o segundo, de pouco mais de um metro, permitido que a decisão fosse para o desempate.

Desempate – No primeiro buraco extra, o 1, de par 3 (ainda havia grupos jogando no 18) Gomez ficou na banca da esquerda, antes do green, e salvou o par com um putt de três metros, enquanto Negrini encostava seu primeiro putt para fazer par. De volta ao buraco 1, ambos acertaram o green e Negrini, que jogou primeiro, mais uma vez só precisou empurrar a bola para fazer o par. Gomez, porém ficou dois metros curto do buraco com o primeiro putt e errou o segundo, para reconhecer a derrota. 

“Eu já tinha jogado dois ou três playoffs antes, mas esse foi o primeiro que eu venço”, comemorou Negrini, que aprendeu golfe ainda criança, quando começou a construção do campo do Damha, onde acompanhava o pai, funcionário do clube. Negrini tornou-se, em pouco tempo, um dos melhores golfistas do Brasil, mas há mais de um ano teve que diminuir o ritmo de jogos, por causa do trabalho e da faculdade.

Destaques – Hirai Alex Yugo, do São Fernando, terminou em quarto, com 153 (76-77), seguido por Fernando Augusto Silva, da Academia GolfRange Campinas, que depois de uma má estreia fez a melhor volta do domingo para ainda ser o quinto colocado, com 156 (79-77). Fernando jogou o par do campo até o 15, mas fez bogeys no 16 e no 18.

Fernando dividiu a posição com Rodrigo Leme, capitão do clube, que vinha em terceiro, no par do campo, antes de perder seis tacadas nos dois buracos finais, com um duplo bogey no 17 e um quádruplo bogey no 18. Termino com 156 (79-77). Fernando Barreto, campeão do torneio em 2014, ficou em oitavo, com 158 (78-80) e Carlos Candido, campeão em 2012, em décimo, com 165 (82-83). Ambos são do Clube de Campo.

Patrocínio – Além do patrocínio Master da Faber-Castel e dos patrocínios da Audi, Cultura Inglesa, Hospital Alemão Oswaldo Cruz e Hering, o 48º Aberto Masculino do Clube de Campo de São Paulo – Faber Castell, tem apoios da revista Golf & Turismo, Federação Paulista de Golfe (FPG), Heineken, Grand Cru e do São Bento.

Confira a cobertura completa do torneio na próxima edição da revista Golf & Turismo!