Home Técnica Eddie Pepperell dá dicas para afinar o toque na bola
0

Eddie Pepperell dá dicas para afinar o toque na bola

0
0
Vencedor do Europan Tour, Pepperell explica como melhor o jogo e o putt, além de dar dicas sobre como ajustar as tacadas

1 – Jogo para sair da banca
Posicione-se com o stance um pouco mais largo e com as mãos levemente atrás da bola no address. Não permita à borda dianteira da face do taco impactar primeiro na areia. Mantenha a velocidade.

2 – O slice
Pode haver muitas razões, mas geralmente a causa é um set up errado. Imagine um muro no lado esquerdo da bola de modo que ela não possa se mover para a esquerda no impacto. 

3 – Ler os greens 
Ouvi de Rickie Fowler, provavelmente, que primeiro se lê a última parte do putt. Observe o último metro para ver o que acontece em torno do buraco e pouco a pouco observe a parte de trás, na direção da bola. 

4 – Gestão no campo
Para baixar o handicap aplique uma estratégia simples no campo: elimine os problemas no jogo. Mantenha a bola em jogo: é a estratégia mais simples.

5 – O chip
Recomendo pouquíssima flexão dos pulsos, pouco deslocamento de peso e um movimento bastante simples. 

6 – Colocar no buraco a partir de um metro
Mantenha os olhos firmes e assegure-se que o alinhamento da face do taco esteja correto. Use um espelho simples apenas para assegurar que os olhos se encontrem na posição correta.

7 – Aumentar a potência
Obviamente, é preciso bater a bola mais forte se quiser ir mais longe. Também é preciso trabalhar para bater sempre no ponto certo da bola. Uma tacada feita entre o centro e a ponta é a ideal para atingir maior distância. 

8 – Melhorar o toque de bola
A qualidade da tacada é o reflexo da sequência dos movimentos no swing. O corpo não deve superar os braços ou vice-versa. Lembre-se sempre: se acelero com o corpo, não acerto a bola.

9 – Mais spin com o wedge
Quando você acende um fósforo, não o alinha nem o manipula, mas busca apenas fricção. O mesmo vale para o spin. Impacte a bola um pouco abaixo, mas com a face do taco reta.

10 – A prática
Geralmente jogo cem bolas por dia, não mais que isso, e cerca de 60 são exercícios. Tento me concentrar só em algumas coisas importantes, certificando-me de que as coisas menores estão bem.